Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Avifauna do Parque da Devesa - Observação e Registo

Projeto que visa promover a observação, a identificação, o registo fotográfico e a divulgação das espécies da avifauna que residem ou visitam o Parque da Devesa em Vila Nova de Famalicão.

Avifauna do Parque da Devesa - Observação e Registo

Projeto que visa promover a observação, a identificação, o registo fotográfico e a divulgação das espécies da avifauna que residem ou visitam o Parque da Devesa em Vila Nova de Famalicão.

Chapim-rabilongo (Aeghitalos caudatus) - "Ave da Semana" (2015-02-08)

IMG_8591_ac.jpg

E a "Ave da Semana" (2015-02-08) é o Chapim-rabilongo (Aeghitalos caudatus). Esta ave tem um comprimento entre 13 a 15 cm, incluindo a cauda, a qual mede entre 7 a 9 cm. “Reproduz-se em bosques mistos ou de árvores caducifólias, com vegetação arbustiva variada (frequentemente aveleiras e salgueiros) e algumas árvores mortas, e locais arbustivos. Sobretudo residente. Muitas vezes visto em pequenos grupos familiares a sobrevoar rapidamente bosques e jardins. Confiante, mas irrequieto, em geral, observado por pouco tempo. Constrói ninho fechado e oval, de musgo, na bifurcação de ramos, preso com teias de aranha e habilmente camuflado com casca de vidoeiro e líquenes.…Chapim muito pequeno e rechonchudo, com cauda comprida; em voo, parece uma bola clara e pequena com cauda. Voo saltitante com pequenas ondulações. Agarra-se de forma acrobática a galhos muito finos e consegue pendurar-se de cabeça para baixo.… Os bandos em constante movimento emitem um ‘srih-srih-srih’ alto, trissilábico e agudo, e chamamentos murmurados ligeiramente explosivos – ‘zerrrr’.” (Guia de Aves – Guia de Campo das Aves de Portugal e da Europa, Assírio & Alvim, 2012)

http://www.xeno-canto.org/42187